Salvar

Salvar

Redação 2

Pesquisadores do Instituto Tecnológico de Massachusetts, o MIT, nos Estados Unidos, desenvolveram trajes com poros de ventilação que abrem e fecham, de acordo com o calor e a quantidade de suor do corpo de um atleta. Os detalhes do novo material foram publicados no site da revista Science, na sexta-feira (19). A roupa promete deixar atletas mais secos durante o treino.

O traje é todo revestido com microcélulas vivas que podem encolher ou expandir os poros da roupa de acordo com a umidade. Ou seja, quando o corpo está suado, o traje sofre uma dilatação permitindo a entrada de ar e o resfriamento do atleta. As células atuam como sensores vivos para determinar se os poros devem abrir (quando o atleta sua) ou fechar (quando o corpo esfria).

Por meio de técnicas de engenharia genética, os cientistas conseguiram reprogramar o núcleo celular de bactérias não patogênicas E. coli para que se tornassem sensíveis à umidade. Além de dilatar os poros, elas também foram induzidas a emitir luz sempre que imersas em condições úmidas. Isso significa que se um praticante de corrida treinar no escuro, por exemplo, uma luz fluorescente vai se acender. Tal medida garante a segurança dos atletas noturnos. De acordo com os cientistas, a tecnologia pode ser aprimorada para que, no futuro, as células liberem um cheiro bom e agradável toda vez que o indivíduo sair suado da academia. 

Os testes

Durante a pesquisa, as bactérias foram alocadas em uma folha de látex. Quando o material era exposto à uma placa quente para secar, as células começavam a se contrair e, assim, encolher a camada de látex. Contudo, quando as folhas foram expostas ao vapor e ao calor, o látex expandiu e as luzes começaram a brilhar. Após passar por 100 ciclos de testes de calor e umidade, os pesquisadores concluíram  que o tecido não sofreu nenhuma alteração brusca. Ou seja, o material pode ser utilizado mais de cem vezes sem perder a eficiência.

Já nos testes com o traje pronto, os participantes da pesquisa vestiram a roupa e foram correr nas esteiras, enquanto os cientistas monitoravam a umidade e temperatura do corpo, por meio de sensores. Após cinco minutos de exercícios, justamente no momento em que os participantes começaram a relatar calor e suor, os poros do traje começaram a se dilatar. De acordo com os avaliados, a roupa especial reduziu a temperatura da pele e removeu o suor do corpo com efetividade maior que quando utilizaram trajes comuns. Para os cientistas, que também fizeram os testes, a sensação seria a de ter um “verdadeiro ar condicionado nas costas”.

veja

Os vereadores Ivo Ferreira dos Santos, Ana Aparecida Barbosa, Alex Rodinha e José Bonin, conquistaram através do Governador Reinaldo Azambuja e Secretário de Justiça e Segurança Pública, Barbosinha, duas viaturas 0 km para o município de Angélica e Distrito de Ipezal.

 

Segundo informações ao Site Plantão Angélica, a previsão de entrega dos veículos é para os dias 05 ou 06 de Junho, portanto atenderá em breve o município, tornando assim mais eficaz a segurança do mesmo, uma vez que com novas viaturas o trabalho policial é facilitado, podendo assim atender maiores demandas e manter ainda mais seguro o município e o Distrito. 


Na ocasião, os vereadores agradeceram ainda a contribuição do Secretário e do Governador, que muito se empenharam para que fosse possível a liberação de recursos e, assim, a aquisição de tais veículos. 
 
PLANTÃO ANGÉLICA

Um morador de 38 anos foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros na cidade de Jardim, depois de ter ateado fogo em sua residência quando tentava matar ‘satanás’, na noite desta quarta-feira (24).

Os vizinhos acionaram a polícia achando que o homem brigava e agredia crianças na residência. Ao chegarem ao local encontraram apenas o morador no imóvel com uma garrafa de álcool nas mãos, momento em que ele jogou o líquido e ateou fogo na residência.

O morador se recusava a sair da casa afirmando que dentro do imóvel estava o ‘capiroto’, o ‘satanás’, e que ele precisava matá-lo. Os militares conseguiram retirar o homem, que teve os cabelos chamuscados pelo fogo.

 

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas como a casa era de madeira ficou totalmente destruída. O morador foi levado ao hospital para atendimento médico.

(Mídia Max)

Um manifestante teve a mão dilacerada na tarde desta quarta-feira (24) enquanto participava de atos contra o governo federal na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Imagens mostram o homem em pé, correndo em busca de socorro e amparado por outro participante do ato.

Segundo informações preliminares, o homem tentava atirar um rojão na direção dos policiais militares, mas foi surpreendido com a explosão do objeto antes do lançamento. Até as 20h, o governo do Distrito Federal ainda não tinha divulgado informações sobre o caso.

Boletim parcial divulgado pela Secretaria de Segurança Pública, por volta das 19h30, indicava que 49 pessoas ficaram feridas durante o protesto, sendo oito PMs e 41 manifestantes. Sete pessoas foram detidas, suspeitas de dano ao patrimônio público, desacato e porte ilegal de arma.

Segundo a Secretaria de Saúde, dos 49 feridos, apenas 5 são moradores do Distrito Federal. Desde a noite de terça (23), cerca de mil ônibus com manifestantes, segundo a PM, saíram de vários estados em direção a Brasília, custeados pelas centrais sindicais.

Ainda de acordo com a pasta, os atendimentos se concentraram nos hospitais de Base, da Asa Norte (Hran) e Universitário de Brasília (HUB). Entre os atendidos, estava o homem que teve a mão dilacerada e uma outra vítima, que teria levado um tiro durante o ato.

No início da noite, a Secretaria de Saúde informou que o homem atingido por um tiro de arma de fogo passou por cirurgia no Hospital de Base. Depois, o governo corrigiu o dado e disse que a vítima tinha perfurações no maxilar, mas não era possível dizer o que tinha causado os ferimentos. O estado de saúde não foi divulgado.

g1

O presidente Michel Temer decidiu nomear Leandra Barbosa dos Santos Brito, pivô de polêmica surgida há duas semanas ao ser apontada como babá do filho do presidente, Michelzinho, para um novo cargo no Palácio do Planalto.

A servidora, que trabalhava com a família de Temer desde os tempos de vice-presidência e conta com a "afeição" de Michelzinho, segundo as palavras do próprio presidente, agora exercerá o cargo de assessora técnica no Gabinete Pessoal do presidente da República. A nomeação de Leandra para a nova função foi publicada na edição desta quinta-feira (25) do Diário Oficial da União.

O governo, no entanto, até o momento não exonerou a servidora de sua atual função no Planalto. Ela é empregada como assessora do Gabinete de Informação em Apoio à Decisão.

Temer já havia explicado, em entrevista concedida a rádios regionais no último dia 15, que Leandra Brito foi contratada quando ele ainda era o vice-presidente e que sua situação contratual estava sendo adequada agora que seus serviços são prestados no Palácio do Planalto.

"Existe uma senhora que cuida da casa, etc., e foi contratada pelo Palácio. Contratada pelo Palácio, como é a estrutura do Palácio da Alvorada, do Palácio do Jaburu e são formatados, são formalizados pelo Palácio", tentou explicar o presidente, sem muita clareza.

"Você sabe que eu saí de vice, portanto, de uma estrutura de vice para a estrutura da Presidência. E aqui está havendo adequações. Então, estão vendo, por exemplo, o fato dela ser contratada por um órgão, um organismo interno, se pode ou não prestar serviços lá. Se não puder prestar serviços, evidentemente, que haverá uma reformulação. Mas não é babá do meu filho coisa nenhuma", reforçou o presidente.

"Ele ficaria ofendido"

Ao explicar a situação da funcionária, Temer também demonstrou irritação com as notícias de que Leandra Brito fosse a babá de seu filho. A informação foi inicialmente publicada pelo jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

"Eu considero até ofensiva ao meu filho porque ele tem oito anos e não precisa de babá, não. Ele precisou de babá até três, quatro anos de idade. Não existe babá coisa nenhuma", esbravejou o presidente. "Não vou deixar ele ficar sabendo disso porque ele vai ficar ofendido."

Leandra, segundo o colunista do jornal O Globo, acompanha o presidente e sua família até mesmo em viagens a lazer, como em datas festivas, e é apontada como alguém a quem Michelzinho, filho de Temer com sua esposa, Marcela, é "afeiçoado".

ig

Pagina 1 de 58

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top