Salvar

Salvar

Redação

Presidente é investigado no inquérito aberto com base na delação da JBS

 

O relatório parcial da Polícia Federal, enviado na segunda-feira (19) ao Supremo Tribunal Federal (STF), afirma que há evidências "com vigor" da prática de corrupção passiva pelo presidente da República, Michel Temer (PMDB), no inquérito em que é investigado depois da delação premiada dos executivos da J&F.

De acordo com o relatório apresentado pelo delegado Thiago Delabary, "resultam incólumes as evidências que emanam do conjunto informativo formado nestes autos, a indicar, com vigor, a pratica de corrupção passiva".

O delegado aponta no relatório que, apesar do tempo escasso para investigação e de não ter ainda todos os laudos das gravações - a PF pediu mais tempo de investigação para esperar a análise técnica completa da gravação da conversa entre Temer e Joesley Batista - foi possível concluir que o presidente, valendo-se da mediação do ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, cometeu o crime de corrupção passiva, aceitando promessa de "vantagem indevida".

A investigação também conclui pela culpa de Rocha Loures em crime de corrupção passiva e dos executivos da J&F, controladora da JBS, Joesley Batista e Ricardo Saud em corrupção ativa.

O delegado aponta que, nas negociações entre Saud - representando a empresa - e Rocha Loures para que a empresa conseguisse resolver uma questão contra a Petrobras no Cade, o executivo cita Temer diversas vezes como estando ciente das negociações.

"Em meio a tais cogitações, Ricardo Saud fez menções a 'presidente', sem nunca ter sido corrigido por Rodrigo da Rocha Loures, dando a entender, claramente, por força do contexto, que Michel Temer estava por trás daquelas tratativas", diz o texto.

Em seu relatório, o delegado ressalta o fato de o presidente ter indicado Rocha Loures para ser o interlocutor de Joesley, como aparece na gravação feita no Palácio do Jaburu, em março.

"Em diálogos subsequentes, já na condição de mandatário --e somente por isso-- Rodrigo da Rocha Loures recebeu minuciosas orientações de Joesley Batista a respeito de questões que interessavam ao Grupo J&F Investimentos junto a órgãos da Administração pública", diz o relatório.

A PF destaca ainda que logo depois da conversa com Joesley, o ex-deputado liga para o presidente interino do Cade, Gilvandro de Araújo. "Após a ligação, seguindo-se à introdução 'o Temer mandou falar, vou falar', Joesley ofertou 5 por cento de propina dos ganhos a Rodrigo da Rocha Loures", diz a PF.

O advogado de Temer, Antonio Cláudio Mariz de Oliveira, disse que um relatório sobre investigações, como este da PF, deveria ser "apenas" um relato dessas investigações "e não uma peça acusatória".

"Autoridade policial não acusa, investiga. Assim entendemos desnecessário qualquer pronunciamento neste momento", disse Mariz em mensagem à Reuters ao ser questionado sobre o relatório.

A PF pediu ainda mais cinco dias de prazo para terminar a perícia nas gravações apresentadas por Joesley Batista.

Fonte: Band

Levou R$ 100

 

Uma padaria no Parque dos Novos Estados, em Campo Grande, foi alvo de um bandido armado na noite desta terça-feira (20). Ele invadiu o local e levou dinheiro e celular de um cliente.

Por volta das 19 horas, a proprietária do estabelecimento estava no local em frente ao caixa quando o ladrão invadiu a padaria anunciando o assalto. Além da dona e funcionários estavam clientes.

O bandido levou R$ 100 e o celular de uma das clientes. De acordo com a vítima, o autor era moreno, magro, tinha uma cicatriz na boca, aproximadamente 1,65 de altura e aparentava ter 30 anos.

Ainda de acordo com a dona da padaria a mulher que estava no local pareceu ser comparsa do autor, já que ao invadir o local a moça antes do anuncio do roubo entregou o celular para ele. Em seguida o bandido fugiu a pé.

Líder mundial do segmento, marca viu valor cair mais de 30% no mercado

 

Gigante mundial no ramo alimentício, a JBS começa a dar sinais de enfraquecimento e anuncia pacote de desinvestimentos.

Desde que vieram à tona as delações dos irmãos Joesley e Wesley Batista, há um mês, o valor de mercado do grupo teria recuado em torno de 32%, para R$ 17 bilhões – em 2014, o valor chegou a R$ 34,5 bilhões –, de acordo com levantamento da Economática. Paralelamente, aumentou a resistência contra o grupo, seja de bancos, empresas, pecuaristas e até consumidores.

No mês passado, por exemplo, a empresa anunciou pagamento do gado somente a prazo. Em resposta, pecuaristas lançaram campanha para venda do gado à vista, uma vez que estariam com dificuldade de recebimento da Nota Promissória Rural (NPR) pelos bancos.

Além disso, segundo reportagem do jornal Folha de S. Paulo, o Itaú Unibanco ameaça deixar as negociações com a JBS e comprar antecipadamente cerca de R$ 1 bilhão que tem a receber. Outros grandes credores, como Banco do Brasil e Caixa Econômica, podem seguir os passos do maior banco privado do País. O banco nega este endurecimento das negociações com a companhia.

Ontem, a JBS anunciou venda de parte dos ativos, ação que pode chegar a R$ 6 bilhões.

Fonte: Correio do Estado

O ex-presidente ainda chamou a acusação feita pelo MP de “piada”

 

No dia em que sua defesa apresentará as alegações finais ao juiz Sérgio Moro, no caso do tríplex, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que "não acredita" que será preso pela Lava Jato. O petista reafirmou nesta terça-feira, 20, à rádio Tupi AM a sua inocência e disse que "para ser preso no Brasil ou em qualquer país do mundo, a pessoa tem que ter cometido um crime".

O ex-presidente chamou a peça de acusação feita pelo Ministério Público de "piada" e disse esperar que Moro "leia os autos do processo para que possa, definitivamente, anunciar ao Brasil a sua inocência".

Ainda na entrevista, Lula chegou a dizer que já pediu que os procuradores da Lava Jato, responsáveis pela denúncia contra ele "deveriam ser exonerados a bem do serviço público porque inventaram uma grande mentira". O ex-presidente criticou também os meios de comunicação e disse que, junto com os procuradores, "não sabem como sair da mentira que contaram".

Nesta ação, o ex-presidente é acusado de ter recebido R$ 3,7 milhões em propinas da OAS que, em troca, teria fechado três contratos com a Petrobras, supostamente por ingerência de Lula. A acusação é de recebimento de vantagens ilícitas da empreiteira por meio de um tríplex no Guarujá, no litoral de São Paulo, e armazenamento de bens do acervo presidencial, mantidos pela Granero de 2011 a 2016.

2018

Questionado sobre uma eventual candidatura em 2018, Lula falou à rádio que seria precipitado e que poderia gerar uma ação por antecipação de campanha. "Precisa ter convenção partidária, estamos fora de época. E eu sei que tem gente no Ministério Público tentando abrir processo contra mim por antecipação de campanha", disse.

Fonte: Band

Causa do acidente seria pane no motor, disse prefeito do município

 

Motorista e três crianças que estavam em uma Kombi que faz transporte escolar da cidade de Jaraguari precisaram agir rápido e sair correndo do veículo na manhã de hoje, na região da comunidade quilombola Furnas do Dionízio. Carro começou a pegar fogo e ficou destruído com as chamas. Ocupantes saíram ilesos.

Leitor do Portal Correio do Estado enviou foto do momento em que fogo consumia o automóvel. Conforme o prefeito da cidade, Edson Rodrigues Nogueira (PSDB), veículo faz parte de uma frota nova do transporte escolar e causa do incêndio seria uma pane no motor.

“A Kombi é nova, passou por reparos esses dias. O motorista disse que quando notou que o motor estava pegando fogo, logo retirou as crianças de dentro e correu para longe”, disse o admistrador à reportagem.

Ainda de acordo com ele, condutor havia acabado de deixar estudantes em uma escolas e seguia para outra unidade educacional para deixar os outros três alunos.

“Quando ficamos sabendo do que aconteceu, primeiro buscamos saber se havia acontecido alguma coisa com as crianças, se havia algum ferido, mas ainda bem que o dano foi apenas material”, relatou o prefeito.

Extintores foram usados para tentar cessar o fogo, mas não houve sucesso. Em áudio enviado por leitor, mãe de aluno afirma que criança chegou em casa muito assustada com o ocorrido e cobrou mais responsabilidade do prefeito e vereadores do município. Causas do incêndio serão apuradas.

Pagina 5 de 168

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top