Salvar

Salvar

Região (60)

Um morador de 38 anos foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros na cidade de Jardim, depois de ter ateado fogo em sua residência quando tentava matar ‘satanás’, na noite desta quarta-feira (24).

Os vizinhos acionaram a polícia achando que o homem brigava e agredia crianças na residência. Ao chegarem ao local encontraram apenas o morador no imóvel com uma garrafa de álcool nas mãos, momento em que ele jogou o líquido e ateou fogo na residência.

O morador se recusava a sair da casa afirmando que dentro do imóvel estava o ‘capiroto’, o ‘satanás’, e que ele precisava matá-lo. Os militares conseguiram retirar o homem, que teve os cabelos chamuscados pelo fogo.

 

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas como a casa era de madeira ficou totalmente destruída. O morador foi levado ao hospital para atendimento médico.

(Mídia Max)

Nova e Ivinhema também receberam.

As 21 novas viaturas compradas pelo Governo de Mato Grosso do Sul para o Corpo de Bombeiros começam a ser usadas ainda nesta semana. Os veículos são destinados a bases em 16 municípios, incluindo Campo Grande.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Esli Ricardo de Lima, ressalta que a aquisição é importante principalmente para renovar a frota do interior, comprada na década de 1970 e que está sucateada.

O coronel admitiu que o atendimento acaba prejudicado quando não há estrutura. “Muitas vezes as viaturas quebravam a caminho do resgate. Com este grande aporte na estrutura do Corpo de Bombeiros, a sociedade vai ter um ganho em segurança e principalmente na qualidade do atendimento”.

As viaturas entregues nesta terça-feira (23) custaram ao Estado R$ 9,5 milhões, sendo que R$2.607.995 foram investidos nos cinco veículos comprados para a Capital.

Os veículos também serão levados para Nova Alvorada do Sul, Ivinhema, Ponta Porã, Três Lagoas, Chapadão do Sul, Aquidauana, Jardim, Nova Andradina, Coxim, Aparecida do Taboado, Amambai, Paranaíba, Mundo Novo, Maracaju e Costa Rica.

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, afirmou que além dos veículos entregues hoje – para combate a incêndio, resgate e multifuncionais –, o governo ainda negocia a compra de escada magirus, capaz de chegar a 60 metros de altura. “Só este equipamento custa R$ 5 milhões”.

MS Mais Seguro – O secretário destacou que as aquisições MS Mais Seguro, investimento de R$ 114 milhões em viaturas e armamentos para as forças de segurança.

O Executivo estadual prevê a compra de 282 veículos para os bombeiros, além das polícias Civil e Militar. “É a maior aquisição da história”, afirmou Barbosa.

Mais viaturas devem ser entregues nesta sexta-feira, desta vez para as polícias.

Fonte - Campograndenews

Na noite dessa segunda-feira (15), o Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública do Estado de Mato Grosso do Sul, Deputado Estadual licenciado José Carlos Barbosa, ministrou no auditório do Sindicato Rural de Dourados, uma palestra sobre as perspectivas atuais da Segurança Pública no Mato Grosso do Sul e no Brasil.

A solenidade teve início as 20h e, durante uma hora e vinte minutos foram apresentados e debatidos com policiais militares, civis, bombeiros militares, agentes penitenciários e um público de quase 200 pessoas que se fizeram presentes, as particularidades do Estado de Mato Grosso do Sul no tocante aos crimes tipicamente fronteiriços, transfronteiriços e a massa carcerária gerada pela eficiência das forças estaduais na sua atuação em nosso Estado. 

Participaram do evento, além de representantes do Sindicato Rural de Dourados, o Delegado Regional de Dourados - Lupercio Denegone, O ex-diretor da AGEPEN e Magistrado Aposentado - Dr. Airton Stropa, O Diretor do Departamento de Operações de Fronteira -  Coronel PM Kleber Haddad Lane, o Comandante do 3º Batalhão de Policia Militar de Dourados - o Tenente Coronel Carlos Silva e o Comandante do 2º Grupamento de Bombeiros Militares de Dourados -  Tenente Coronel BM Flavio Pereira Guimarães.

Nas suas explanações o Secretário apresentou alguns dados impressionantes sobre a produtividade e a efetividade dos órgãos de segurança pública do Estado no combate ao crime:  

Segundo Barbosinha, a média de presos no Brasil é de 300 por 100 mil habitantes, enquanto a do MS gira em torno de 600 por 100mil habitantes, sendo que atualmente são cerca dos 700 mil presos custodiados em todo o Brasil, apenas 700 estão em presídios federais, tendo os Estados arcado com os custos de presos da União.

Partido dessa premissa, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, entrou com uma Ação Civil Pública visando o ressarcimento dos custos efetivamente gastos com presos federais em presídios do estado do MS.

Outro número impressionante apresentado pelo secretário foi o volume de quase 300 toneladas de drogas apreendidas no ano de 2016 pelos órgãos de segurança pública estaduais;


Barbosinha falou ainda sobre a abertura de concursos públicos para PM e PC nos próximos meses; sobre a entrega das viaturas adquiridas pelo Programa MS Mais Seguro e, que Dourados terá um tratamento diferenciado por ser uma região diferenciada dentro do planejamento de segurança pública da SEJUSP;

O Secretario finalizou sua palestra, agradecendo aos profissionais de segurança do MS e respondendo aos questionamentos da Plateia.

Depois do encerramento do evento, o Secretario visitou o Quiosque estilizado do 3º Batalhão de Policia Militar de Dourados, que é parceiro fundamental na realização da feira, onde foi recebido pela família policial militar que se fazia presente no Quiosque.

informenews

Mesmo com uma rotina bem definida, Raphael Najan não estava encontrando tempo de ficar com os filhos e isso passou a incomodá-lo. Ao perceber que seria difícil conciliar a rotina dele com a das crianças, o pai tomou uma atitude inusitada para se tornar mais presente. Foi uma ideia simples, mas que significou muito para família unida pelo balé.

O pai é personal trainer, professor de dança e alongamento, faz aulas de violão, canto, balé, jazz e dança de salão. Além disso, faz faculdade de teatro e ainda costuma ensaiar para apresentações de dança. A filha Luana estuda e faz balé todos os dias, participa de alguns concursos aos finais de semana e faz aula de jazz duas vezes por semana. Já o pequeno Miguel estuda e faz natação.

Em meio a tantos afazeres, Raphael começou a ver cada vez menos as crianças. “Comecei a sentir muita falta dos meus filhos e vi que queria estar mais presente. Na verdade, a saudade tomou conta de mim e comecei a perder a vontade de fazer as aulas porque queria só ficar com eles”, afirma o pai em entrevista do Deles.

Como a dança é uma paixão em comum que fortalece principalmente a relação entre o pai e a filha, Raphael teve a ideia de fazer aulas de balé com Luana. “Estudamos na mesma escola de dança, onde me formei. Muitas das vezes, saía de casa pela manhã e ela ainda estava dormindo. Fazer aula com ela foi uma tentativa de ficarmos um pouco mais de tempo juntos”, conta.

A garota simplesmente amou, afinal de contas, ela era a única aluna da escola que fazia aula com o pai. Admirando o gesto do aluno inusitado, a professora Andrea Sales resolveu filmar um pedacinho da aula e depois mandou para Raphael. “Minha esposa amou ver! Durante todo esse tempo que faço aula com Luana, ela nunca tinha nos visto fazendo aula justos”, lembra.

Em entrevista ao Deles, a bióloga Renata Labanca confirma o que foi dito pelo marido. “Fiquei muito emocionada quando vi o vídeo de pai e filha juntos fazendo aula. Se um dia dançarem em uma apresentação, vai faltar lenço pra tanta lágrima”, fala aos risos.  

IG

Mesmo com uma rotina bem definida, Raphael Najan não estava encontrando tempo de ficar com os filhos e isso passou a incomodá-lo. Ao perceber que seria difícil conciliar a rotina dele com a das crianças, o pai tomou uma atitude inusitada para se tornar mais presente. Foi uma ideia simples, mas que significou muito para família unida pelo balé.

O pai é personal trainer, professor de dança e alongamento, faz aulas de violão, canto, balé, jazz e dança de salão. Além disso, faz faculdade de teatro e ainda costuma ensaiar para apresentações de dança. A filha Luana estuda e faz balé todos os dias, participa de alguns concursos aos finais de semana e faz aula de jazz duas vezes por semana. Já o pequeno Miguel estuda e faz natação.

Em meio a tantos afazeres, Raphael começou a ver cada vez menos as crianças. “Comecei a sentir muita falta dos meus filhos e vi que queria estar mais presente. Na verdade, a saudade tomou conta de mim e comecei a perder a vontade de fazer as aulas porque queria só ficar com eles”, afirma o pai em entrevista do Deles.

Como a dança é uma paixão em comum que fortalece principalmente a relação entre o pai e a filha, Raphael teve a ideia de fazer aulas de balé com Luana. “Estudamos na mesma escola de dança, onde me formei. Muitas das vezes, saía de casa pela manhã e ela ainda estava dormindo. Fazer aula com ela foi uma tentativa de ficarmos um pouco mais de tempo juntos”, conta.

A garota simplesmente amou, afinal de contas, ela era a única aluna da escola que fazia aula com o pai. Admirando o gesto do aluno inusitado, a professora Andrea Sales resolveu filmar um pedacinho da aula e depois mandou para Raphael. “Minha esposa amou ver! Durante todo esse tempo que faço aula com Luana, ela nunca tinha nos visto fazendo aula justos”, lembra.

Em entrevista ao Deles, a bióloga Renata Labanca confirma o que foi dito pelo marido. “Fiquei muito emocionada quando vi o vídeo de pai e filha juntos fazendo aula. Se um dia dançarem em uma apresentação, vai faltar lenço pra tanta lágrima”, fala aos risos.  

IG

Ciclista - identificado apena como “Soró”, morador num sítio na Linha do Caraguatá - está em estado grave após ser atropelado por um veículo Ford/Eco Sport, com placas de Vicentina, na noite deste sábado (13), por volta das 20h:45min, no quilômetro 39 da MS-147, na linha do Caraguatá, entre os distritos de Proterito e São José.

Conforme apurado pela reportagem do Site Vicentina Online, Alexandre dos Santos Costa, 22 anos, conduzia o veículo, sentido a Vicentina, quando o ciclista teria saído de um canavial e adentrado repentinamente na rodovia. O motorista relatou que tentou desviar, porém, não conseguiu e atingiu a vítima.

O estado de saúde de “Soró” inspira cuidados. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital da Sias. Alguns dos ferimentos são: traumatismo craniano, fratura de face, fratura no nariz, fratura nos dois braços, escoriações no abdômen, corte nas pernas e etc.

O condutor viajava em companhia no pai. Eles nada sofreram.


A Polícia Militar de Vicentina esteve no local auxiliando na ocorrência.

Fonte: Vicentina Online

Uma tentativa de assalto em um bar no Bairro Panorama, em Campo Grande, na noite de ontem (4) terminou com o ladrão amarrado a um poste pela vítima, um policial aposentado.

O policial aposentado estava em seu estabelecimento, quando por volta das 18h40, o ladrão entrou armado em seu bar anunciando o assalto. O autor exigiu o dinheiro do caixa e apontou a arma para a vítima.

Ao puxar o gatilho por diversas vezes, a vítima acabou reagindo entrando em luta com o ladrão e conseguindo tirar a arma das mãos dele. Em seguida, o policial amarrou o bandido em um poste percebendo que o autor tinha um comparsa à espera em uma motocicleta, que fugiu em seguida.

O Batalhão de Choque foi acionado e ao chegar ao estabelecimento encontrou o bandido amarrado ao poste. Foi preso Atila Benedito de Paula que tem várias passagens pela polícia como furto, lesão corporal dolosa, violência doméstica e desacato.
 
MIDIA MAX

Militar Reformado Jovercino Alves Rodrigues veio morar em Naviraí em meados de 1968.
A família não tinha notícias da irmã e acreditava que ela poderia está morta.

 

Depois de mais de 40 anos sem se verem, Maria Anália Rodrigues Viana de 60 anos se reencontrou nesta terça-feira (03), no centro de Dois Irmão do Buriti a cerca de 100 km da Capital Campo Grande com seu irmão, 3º Sargento Reformado do Exército Brasileiro, Jovercino Alves Rodrigues, de 63 anos, que ha viu pela última vez em 1976 e a família acreditavam que ela já estava morta.


Quando completou 18 anos, Jovercino resolveu sair da sua casa em Naviraí-MS, se alistando e servindo ao Exército Brasileiro, destacando em algumas cidades como Paranhos, Iguatemi e Amambai - MS, fixou residência onde mora até os dias de hoje com sua esposa Marta Dias Rodrigues.


“Eu me alistei no Exército e segui meu rumo deixando para trás minha família, como era muito precária a comunicação perdi totalmente o contato com ela”, disse Jorvercino Alves.


Após algum tempo a Mãe de Jovercino foi morar em Rondônia na cidade de Espigão do Oeste RO, onde criou seus 8 filhos, bem antes sua irmã casou-se e ao passar alguns anos, Maria Anália, perdeu a comunicação com toda a família mudando-se para a cidade de Dois Irmão do Buriti onde reside até hoje com seus filhos e netos.


Maria Anália, sua filha Ilda, seu irmão Jovercino e seu filho Givaldo

“Mandei cartas para o programa do Ratinho e do Gugu na esperança de que eles me ajudassem a localizar meu tio, mas não tive nenhuma resposta das emissoras, então tentei um rapaz que segundo alguns amigos, disseram que ele era bom pra localizar pessoas desaparecidas, como não tinha nada a perder paguei para que esse rapaz procurasse o paradeiro do meu tio, para minha surpresa e enorme felicidade, em menos de uma semana ele localizou meu tio”, disse o filho mais velho de Maria Anália, Givaldo Rocha Viana de 35 anos.


Mas tudo não passou de um mal entendido. Na verdade, eles estavam mais próximo do que imaginavam, cerca de 377 km de distância um do outro para ser mais exato. Com o incentivo dos filhos , depois de mais de 40 anos sem notícias, ele conseguiu reencontrar a irmã.


“Eu sempre tive vontade de reencontrar minha irmã, e agradeço do fundo do meu coração ao meu sobrinho Givaldo que não descansou enquanto não encontrou as pistas do meu paradeiro, fiquei muito feliz em saber que minha irmã esta bem e com muita saúde, só tenho a agradecer ao meu querido e mais novo sobrinho Givaldo”, contou Jovercino.


O reencontro foi muito comemorado pela família. Antes de ir para a cidade onde reside Maria Anália, Jovercino reuniu seus dois filhos, Woshington Dias Rodrigues que mora em Paranaguá PR, e Handerson Dias Rodrigues, que mora em Novo Horizonte do Sul - MS. A ansiedade era tanta que a partir do momento em que conseguiu entrar em contato com sua irmã marcou a data do reencontro.


Jovercino converçou com seus filhos que tomaram a decisão de ir imediatamente realizar esse encontro, pelo fato da cidade ser muito perto e aproveitando que um dos filhos, que mora em Paranaguá - PR, cidade cerca de 958 km da cidade de Amambai - MS, por coincidência estava visitando seu pai, decidiram sair o mais rápido possível, e nesta última terça-feira (3) as 13:00 hs, Jovercino reencontrou sua irmã Maria Anália, que ficou muito emocionada ao rever seu irmão.


Jovercino com toda a família de Maria AnáliaPassaram a tarde e uma boa parte da noite os dois irmão conversando, por que a visita era rápida, tinham que voltar no dia seguinte, mas ficou a promessa de que isso nunca mais iria se repetir, e ficou dito, que haverá uma grande festa no reencontro com toda a família presente.

 

"A felicidade é muita, toda hora a gente se abraça, porque eu nunca imaginei que isso ia acontecer o que aconteceu, ter esses momentos de felicidade, pra mim parece que hoje eu tenho a mesma idade de quando saí de casa”, disse com lágrima nos olhos Jovercino.

Policiais Militares Ambientais do Grupamento do Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema (PEVRI), realizaram fiscalização nas imediações do Parque, no município de Jateí, em uma operação que durou três dias, encerrada nesta sexta-feira (28).

Durante os trabalhos, os Policiais abordaram um veículo Fiat Uno à margem da estrada, onde foram encontradas três armas de caça e munições ilegais, sendo 1 (uma) espingarda sem marca e numeração aparente, calibre 32, com 3 (três) cartuchos recarregados; 1 (uma) espingarda de dois canos, sem marca e numeração aparente, calibre 28, com 3 (três) cartuchos recarregados e 1 (uma) arma artesanal sem marca e numeração aparente, calibre 38, com 4 (quatro) munições calibre 38 intactas, além de 2 (duas) facas.

Um pedreiro de 22 anos, proprietário do veículo que estava quebrado, assumiu ser proprietário de duas armas e, um adolescente de 17 anos, assumiu ser proprietário de uma. Os infratores informaram que iriam praticar caça na região.

Não foram encontrados animais abatidos, porém, os caçadores, não possuíam documentação das armas e receberam voz de prisão.ia Civil daquela cidade, onde o pedreiro foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma e o menor por ato infracional, pelo mesmo motivo. A pena para o crime é de um a três anos de prisão.

Fonte: Vicentina On line

Os manifestantes continuam em frente ao banco, de forma pacífica.

Na manhã de hoje (28), manifestantes que lutam contra a retirada de direitos sociais e trabalhistas impostas pelo Governo Temer, estiveram na frente de um banco privado, localizado na avenida Weimar Gonçalves Torres, em Dourados, colocando faixas e impedindo a entrada dos funcionários. 

Em seguida, seguranças do banco retiraram as faixas do protesto e acionaram a ajuda da Força Tática. De acordo com informações apuradas pela 94FM, o ato teve início de tumulto, mas após a chegada dos policiais, se normalizou.

Os manifestantes, que continuam em frente ao banco de forma pacífica, primeiramente não queriam deixar que os trabalhadores entrassem no local. Mas, logo depois, policiais conseguiram liberar a passagem dos mesmos.

94 FM DOURADOS

Pagina 1 de 5

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top