O que você precisa saber para começar o domingo

Brasil Mundo
Cocaleiros apoiadores do ex-presidente Evo Morales atingidos pelo gás da polícia em Sacaba, nos arredores de Cochabamba. Foto: Danilo Balderrama/Reuters

Apoiadores do ex-presidente Evo Morales são mortos em confrontos com a polícia na Bolívia; na Venezuela, sede de partido opositor a Maduro é invadido por homens armados; no Brasil, Embraer faz recall de jato executivo após receber relatos de corrosão; chuvas deixam mortos e desabrigados no Espírito Santo.

Veja aqui o que você precisa saber para começar o domingo:

Crise na Bolívia
Cinco cocaleiros leais ao ex-presidente boliviano Evo Morales morreram nessa sexta (15) em violentos confrontos com a Polícia e militares nos arredores de Cochabamba (centro do país), comprovou a AFP em um hospital da cidade. As autoridades não mencionaram nenhum morto nestes distúrbios, mas uma centena de detidos. Meios de comunicação noticiaram, por sua vez, pelo menos oito feridos.

Crise na Venezuela
O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, afirmou em vídeo publicado numa rede social que a sede de seu partido, o Voluntad Popular, foi invadida na noite desta sexta-feira (15). Publicações no perfil oficial da legenda relatam que as 43 pessoas presentes foram feitas reféns e que os invasores portavam capuzes e armas pesadas.

Mais de 30 presos no aniversário dos ‘coletes amarelos’
“Seguimos aqui, mesmo que Macron não queira, seguimos aqui!”, entoavam os ativistas na Place d’Italie, região sul da capital francesa. A polícia usou um canhão de água e disparou gás lacrimogêneo em Paris para conter os milhares de manifestantes que marcavam o primeiro aniversário dos chamados “coletes amarelos” nesse sábado pela manhã. Na Place d’Italie, região sul da capital francesa, uma agência bancária e a fachada de um centro comercial foram vandalizados, diversas lixeiras e um carro foram incendiados, e o mobiliário urbano foi danificado. Havia cerca de 3 mil manifestantes reunidos no local, segundo o jornal “Le Monde”.

Chuvas matam e desabrigam no ES
As chuvas no Espírito Santo deixaram dois mortos, 12 feridos e 664 pessoas fora de casa, segundo a Defesa Civil. Dez cidades do estado capixaba tem registro de desabrigados ou desalojados. São elas: Alegre, Vitória, Vila Velha, Cariacica, Santa Leopoldina, Piúma, Viana, Domingos Martins, Marechal Floriano e Bom Jesus do Norte. A última vítima fatal foi encontrada na manhã desta sexta-feira, no bairro Novo Horizonte, em Cariacica. De acordo com a Defesa Civil, um homem ainda não identificado foi achado dentro de uma casa em uma área alagada. As autoridades informaram que a perícia no local e a necrópsia preliminar indicaram que a causa da morte foi por afogamento.

Recall de jatos da Embraer
A Embraer anunciou esta semana aos clientes uma espécie de “recall” dos jatos executivos Phenom 300. O documento assinado pelo presidente da unidade de serviço e suportes da empresa, Johann Bordais, pondera terem sido relatados à Embraer casos de corrosão nas massas de balanceamento dos profundores (parte traseira da aeronaves) que podem provocar perda de controle da aeronave.

Fonte: Yahoo

Please follow and like us:
error20